Informativo semanal de noticias

quinta-feira, 30 de maio de 2013

NOVA CRUZ PERDENDO VEGETAÇÃO NATIVA


O coqueiral ao longo da estrada de acesso ao distrito de Nova Cruz, em Igarassu, vem aos poucos desaparecendo da paisagem local, e provavelmente para dar lugar à expansão imobiliária. Em várias propriedades rurais encontramos troncos de árvores derrubadas e muitas áreas da vegetação nativa destruída por queimadas. Enquanto a fiscalização não chega, a região vem perdendo a sua cobertura verde. Fernando Melo – Igarassu / PE

ASSEMBLÉIA GERAL DA AGENDA 21


COMPESA POLUI RIO EM IGARASSU


A fossa comunitária da Vila Saramandaia localizada as margens da BR 101 norte, constantemente transborda a sua capacidade e despeja resíduos no Rio São Domingos. A COMPESA cobra dos moradores pelo serviço que deveria ser uma estação de tratamento de esgoto, entretanto vem cometendo um dano ambiental e prejudicando a saúde publica. Fernando Melo – Igarassu / PE

INDÚSTRIA DE PAPEL QUEIMA MUITA MADEIRA


Esta fabrica de papel localizada a margem da BR 101 Norte, em Igarassu, continua utilizando diariamente uma enorme quantidade de madeira para abastecer os fornos da empresa. A queima da madeira aliada a outros agentes químicos usados na indústria e que liberados na fumaça das chaminés, vem causando a poluição do ar e prejudicando a saúde da população, como também ocasionando danos ambientais. A empresa precisa buscar fontes alternativas de energia para alimentar a sua caldeira, e evitar a degradação do meio ambiente. Fernando Melo – Igarassu / PE